Caminhão é flagrado transportando 20 toneladas de pedras semipreciosas ilegalmente


Carga era composta de quartzo e ametista. Flagrante aconteceu na BR-230 em São Bento do Tocantins, no Bico do Papagaio. Minério foi apreendido pela Polícia Federal por ter sido extraído ilegalmente
PRF/Divulgação
Um caminhão foi flagrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em São Bento do Tocantins, no Bico do Papagaio, transportando ilegalmente cerca de 20 toneladas de minério de quartzo e ametista. As pedras são consideradas como semipreciosas.
Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
O flagrante aconteceu na noite desta segunda-feira (12), por volta de 20h40. O caminhão foi abordado na BR-230.
Segundo a PRF, ao vistoriar a documentação foi verificado que a nota fiscal foi emitida por pessoa física de forma avulsa. O documento foi considerado incomum para esse volume de carga e levantou suspeitas.
Caminhão foi abordado pela Polícia Rodoviária Federal na BR-230
PRF/Divulgação
Foi verificado que o emitente do documento não possuía licença para extração de minério. Os envolvidos também não tinham licença para a atividade.
Os ocupantes do veículo não tiveram as identidades divulgadas. A PRF informou que identificou os crimes de usurpação de bem ou matéria-prima da união, construir estabelecimentos, obras ou serviços potencialmente poluidores sem licença e executar lavra ou extração de recursos minerais sem autorização.
O veículo, os ocupantes e a carga de 20 toneladas de minério de quartzo/ametista foram levados para a delegacia da Polícia Federal e Araguaína. O órgão ambiental competente também foi informado.
📱 Participe da comunidade do g1 TO no WhatsApp e receba as notícias no celular.
Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.