Chevette em Paris? A história por trás do carro brasileiro que atravessou o oceano

chevette-em-paris?-a-historia-por-tras-do-carro-brasileiro-que-atravessou-o-oceano

O brasileiro Aiglon Declie, de 38 anos, mora em Paris desde 2015. Ele se mudou de Belo Horizonte para residir na capital francesa junto com a família. Embora estivesse ao lado de quem ama, algo deixado para trás no Brasil ainda o deixava incompleto: um Chevette modelo 87/88. O reencontro ocorreu somente em 2023, quando o carro atravessou o Oceano Atlântico, para rodar pelas ruas parisienses.

Chevette chegou em Paris em 5 de novembro

Chevette chegou em Paris em 5 de novembro – Foto: REPRODUÇÃO/ND

Desde que chegou a Paris, o Chevette virou atração. Ele já foi fotografado no Arco do Triunfo, na Torre Eiffel e ao lado de carros esportivos de luxo. Imagens do veículo estacionado em uma rua francesa bombou na internet e intrigou as redes sociais. “Como ele foi parar aí?”, se questionou um internauta.

“Tinham muitos anos que pretendia (levar o carro para Paris). Quando estava quase lá, veio a pandemia e dificultou muito. O valor, que era uns € 800, foi para € 12 mil. O que era 1 mês (tempo de transporte) foi para 3 meses, e já não tinha contêiner. Até que, enfim, consegui a partir de março e (o carro) chegou em novembro”, contou o brasileiro ao jornal O Tempo, de Minas Gerais.

O reencontro de Aiglon com o velho xodó ocorreu em 5 de novembro. “Vai continuar a história dele aqui”, disse o brasileiro, que tem o carro há 20 anos. Nesse tempo, já vendeu e recomprou quatro vezes.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por CHEVETTE EN FRANCE 🇧🇷🇨🇵 (@chevette_france)

Como Chevette chegou a Paris

Aiglon relata que, para chegar a Paris, o Chevette primeiro foi levado de BH até o porto de Santos. De lá, seguiu em um navio até o porto de Le Havre, a 200 km da capital francesa. O percurso durou um mês e custou, em média, 4,7 mil euros (R$ 25 mil).

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por CHEVETTE EN FRANCE 🇧🇷🇨🇵 (@chevette_france)

 

Adicionar aos favoritos o Link permanente.