Aprovação de R$ 4,9 bilhões para fundo eleitoral em 2024 gera controvérsias e críticas

aprovacao-de-r$-4,9-bilhoes-para-fundo-eleitoral-em-2024-gera-controversias-e-criticas

Paulo Alceu: “realmente o Brasil exige uma reforma profunda, acabando de vez com as reeleições. Mas observando o que fizeram este ano com a minirreforma eleitoral, dá para imaginar o que farão com uma reforma ampla onde certamente o foco estará muito mais nos interesses partidários e nas contas bancárias pessoais”. Confira.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.